Projeto Mormon: Caldo de Galinha Caseiro

Foto tosca de celular. Sorry about that.

Foto tosca de celular. Sorry about that.

Update: caldo de galinha é modo de falar, uma vez que eu uso frango, okay? Continuando…

O caldo de galinha caseiro começou a aparecer na minha cozinha por quatro singelas razões:

1 – Minha necessidade de ter sempre caldo de galinha decente para fazer meus risottos;

2 – É pecado jogar comida fora e eu tinha que reaproveitar a carcaça do frango, uma vez que eu compro ele inteiro, tiro coxas, sobrecoxas, peito e asas e fica UM MONTE de carne ainda no bicho;

3 – Caldos industrializados tem sódio até não acabar mais;

4 – No masterchef é proibido usar caldo de galinha industrializado e no meu mundo imaginário eu participo da competição ME DEIXA.

Acontece que, como rende MUITO, eu sempre tenho em casa, o que serve também para o arroz, caso você queira dar uma variada no ~sabor~. Ele é ideal para sopas também e até para cozer legumes para eles ficarem com um gostinho de ~quero mais~.

É só congelá-lo em potes grandes (para risotto você vai precisar de, no mínimo, 1 litro) ou mesmo em formas de gelo, caso você queira porções pequenas do caldo. #ficadica

Bora pra receita.

 

Rendimento: 1 litro a 1,5 litro POR CARCAÇA.

 

Ingredientes

1 carcaça de frango com pele

2 cenouras picadas grosseiramente

1 cebola picada

3 dentes de alho

1/2 talo de alho poró (em Portugal alho-francês)

1/2 talo de salsão

sal e pimenta do reino a gosto

fio de azeite

2 litros de água

tomilho, alecrim, cominho… os temperos que você gostar

 

Modo de Fazer

Refogue a carcaça do frango no azeite e deixe dourar. A pele tem que estar bem coradinha.

Acrescente cebola e alho, deixe ficar transparente e acrescente o restante dos legumes e vegetais. Refogue por alguns minutos, até desprender o aroma.

Coloque a água e os temperos e deixe levantar fervura em fogo alto. Assim que ferver, abaixe o fogo para médio, tampe a panela e deixe por 40-45 min. Desligue o fogo e espere esfriar.

Quando esfriar, coe o caldo e leve para congelar. Está pronto seu caldo de galinha (ou frango, no caso) caseiro!

Com os legumes que sobrar, você pode fazer uma sopa ou faça um couscous marroquino vegetariano com eles. NÃO JOGUE FORA, invente algo.

NA COZINHA, NADA DE SE CRIA, NADA SE PERDE, TUDO SE TRANSFORMA. ;)

Com o frango que sobrar da carcaça, descarte ossos e pele, desfie a carne e faça um refogado. Juro, uma carcaça rende pelo menos uma refeição para duas pessoas, e essa carne estará simplesmente uma delícia, bem temperadinha.

Dica de amygah: Isso aqui é uma democracia. Não precisa colocar exatamente os mesmos legumes e verduras que eu coloco. Ponha o que tiver na sua despensa e de acordo com o seu gosto. O mesmo serve para os temperos, okay?

Anúncios

2 comentários sobre “Projeto Mormon: Caldo de Galinha Caseiro

Obrigada por seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s