#embuscadopãodequeijoperfeito – Parte 2

Pão de Queijo

ISSO É VIDA, AMIGUES

Poucas coisas na vida são melhores do que acordar domingo de manhã, fazer uma fornada de pão de queijo, passar um café preto na hora e chafundar no conforto que só esses dois ingredientes juntos proporcionam.

Café preto bem quente + pão de queijo ainda quentinho = vida.

Na boa, eu quero morrer numa piscina de pão de queijo com doce de leite, tudo junto e misturado.

Quem acompanha o blog a mais tempo vai lembrar da minha saga #embuscadopãodequeijoperfeito – Parte 1. Como imigrante, eu procuro a receita perfeita para quem não tem queijo minas nem polvilho à mão poder fazer, manter a dignidade do amado pão de queijo e matar a vontade. E se não precisar escaldar o polvilho, é um belo bônus! #imigrantedadepressão

A receita anterior foi muito boa, mas dessa vez eu não queria fazer um teste, eu queria acertar em cheio. E CAROS AMIGOS, quando eu quero acertar em cheio, é pra essa receita que eu recorro.

Sou filha de mineira, mas por incrível que pareça não aprendi com minha mãe. Aprendi com uma senhora catarinense que aprendeu com uma mineira. Fiz uma leve adaptação na quantidade de leite da receita original e ta-dãn! Eis a receita de hoje.

A outra coisa sensa do pão de queijo caseiro é que ele não tem miserê de queijo. ÊTA JESUS MARAVILHOSO!

Bora logo pra receita:

Ingredientes (rende 18 pães médios)

  • 500 g de polvilho (update: tem que ser o polvilho DOCE, minha gente!!! #falhanossa)
  • 1/2 xic de chá de óleo (a minha xícara tem 220 ml)
  • 1 xic de chá de leite (a minha xícara tem 220 ml)
  • 3 ovos médios
  • 225 g de queijo mussarela light ralado (eu usei o queijo flamenga light)
  • 100 g parmesão ralado
  • pitada de sal

PRE-PÁRA!

  1. Pré-aqueça o forno a 180º.
  2. Leve o óleo com o leite ao fogo até ferver.
  3. Em uma refratária, coloque o polvilho e escalde-o com a mistura de leite com óleo. Mexa vigorosamente até arrefecer a temperatura do polvilho.
  4. Acrescente os ovos, um a um. É importante que o polvilho já esteja morno, numa temperatura facilmente manipulável com a mão, do contrário ele vai cozer o ovo e não vai dar certo.
  5. Os ovos vão dar liga à massa, e nesse ponto você pode acrescentar os queijos e o sal.
  6. Faça bolinhas com a mão. FAVOR FAZER BOLINHAS GENEROSAS QUE ISSO AQUI NÃO É PADARIA. PÃO DE QUEIJO QUE EM DUAS MORDIDAS ACABA FICA SECO E SEM GRAÇA. GRATA. Caso esteja difícil de manipular a massa, unte a mão com óleo e faça as bolinhas e coloque numa forma de alumínio. Não é necessário untar.
  7. Leve ao forno por aproximadamente 25 minutos ou até que eles estejam dourados  E LINDOS E MARAVILHOSOS E GOSTOSOS E MEU DEUS DO CÉU QUE PERDIÇÃO!

Dica: por mais que seja difícil, espere mais ou menos 10 minutos antes de comê-los. WHYYYYYYYYYYYYYYY????? Primeiro por que, jovem padawan, vai estar quente pra cacete choochoo e você nem vai sentir o gosto do pão de queijo. Em segundo lugar porque o processo de cozimento continua mesmo após tirá-los o forno e dez minutinhos deixam eles exatamente com status de: PERFEITOS. #ficadica

Pão de Queijo

Pão de Queijo

Modelo: Marido

Pão de Queijo

Anúncios

2 comentários sobre “#embuscadopãodequeijoperfeito – Parte 2

Obrigada por seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s