Ragù de Pato com Pappardelle

Ragù de Pato com Pappardelle

Senta que lá vem história.

Eu sempre quis fazer Ragù de Pato, mas nunca tinha tido a oportunidade. A culpa foi de um episódio de Sopranos, no qual eu vi o tal do ragù ser servido e quase morri de fome no dia. Não é fácil assistir programas/séries em que eles apresentam comida boa, sabiam?

Mas voltando ao assunto… eu sabia o princípio do ragù de pato, graças ao MasterChef Australia. Sabia que era um processo demorado, que tinha que ter paciência e tempo pra preparar.

Pra quem não sabe, ragù é um molho de origem italiana (<3 <3 <3 amor eterno amor verdadeiro <3 <3 <3) com base em carne cozida. A própria bolonhesa (bolognese) é um ragù, quem diria olha só. Só que o Ragù de Pato é quase um ritual, fica de um dia pro outro marinando, pra apurar bem o sabor dos temperos. Você pode fazer express? Claro que pode. Mas acho que um pouco da beleza do prato está em todo o seu processo de preparo.

Pois bem, fui ao supermercado decidida a comprar pato para fazer o tal do ragù. E fiz. Ele ficou perfeito? Não. Eu mudarei coisas da próxima vez? COM CERVEJA! Mas achei que valia o post até para poder comparar o primeiro com o segundo. Ninguém nasce sabendo, eu muito menos. Cozinha é prática, é dia-a-dia. Valeu E MUITO pela experiência para ir aperfeiçoando as técnicas.

Deixo claro aqui que eu fiz como achei que era e com base no que já vi em programas de culinária. Não segui nenhuma receita e o processo pode ser diferente de pessoa para pessoa.

Sobre o gosto… Ah, o gosto! Ficou maravilhoso! Da próxima vez mudarei coisas no preparo e, principalmente, na apresentação. Mas o sabor estava divino.

Bora pra receita que isso aqui tá parecendo mais um “Meu querido diário…”.

Ingredientes (para 2 pedreiros, porque serve até 3 pessoas tranquilamente)

Para a marinada

  • 2 peitos e 2 asas de pato, com pele
  • 2 dentes de alho
  • 1 cenoura picada grosseiramente
  • 1 talo de salsão (também conhecido como aipo)
  • 1 cebola pequena picada grosseiramente
  • 2 folhas de louro
  • ervas (eu usei alecrim e tomilho)
  • 1/2 garrafa de vinho tinto
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • 1 col sopa de azeite

Para o ragù

  • 1/2 lata de tomate pelado picado (400 g)
  • 1/2 cebola picada bem pequena
  • 1 dente de alho
  • 2 col sopa manteiga
  • folhas de tomilho
  • 1 copo de vinho branco

Para a massa

  • 400 g de pappardelle
  • água, sal e óleo

PRE-PÁRA!

  1. Prepare a marinada misturando todos os ingredientes em uma travessa que possa ir ao forno de um dia para o outro. O ideal é deixar o pato marinando por 24 horas.Ragù de Pato com Pappardelle
  2. No dia seguinte, leve essa marinada ao forno e deixe assando por 3 horas em forno pré-aquecido a 180º, envolvido em papel alumínio. O pato deve assar em forno baixo mesmo, por isso o longo tempo de forno.
  3. Após o período de forno, separe o caldo, os temperos e o pato. O pato deve ser desfiado grosseiramente. Os temperos devem ser guardados para uma sopa e o caldo deve ser coado para que fique somente o líquido.
  4. Leve este líquido ao fogo por 40 min a 1 hora, para reduzir e engrossar.
  5. Nesse estágio, cozinhe a massa conforme as instruções do pacote.
  6. Doure cebola e alho na manteiga até que estejam transparentes, acrescente o copo de vinho, o tomilho, o tomate pelado e o caldo já reduzido. Refogue até que todos os sabores estejam incorporados. Deixe reduzir novamente, acrescente o pato desfiado, refogue por mais uns 5 minutos e sirva por cima da massa.

Agora vamos às considerações finais: O que eu mudaria na minha receita.

Em primeiro lugar eu terei mais “esmero” para cortar as cebolas da próxima vez. Cortei grande dessa vez e esteticamente não ficou legal.

Em segundo lugar, como o pato tava beeeeeeeeeem cozido, eu mexi demais nele, o que o fez ficar muito mais desfiado. O ideal é colocá-lo na panela e mexer o mínimo possível, para que ele não se desfaça. Coisa que eu aprendi na prática, neam.

Em terceiro, eu teria comido mais. :~~~~~~

Aguardem cenas dos próximos capítulos…

Ragu de Pato com Pappardelle

Anúncios

Obrigada por seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s