Paella de Frutos-do-Mar

Paella de Frutos-do-MarFrutos-do-Mar, ou Mariscos para os tugas, é uma das maravilhas do mundo gastronômico. Na Paella, é a dignidade dos bichinhos elevada à enésima potência! Acho que se eu pudesse, comeria todos os dias…

Sabe aquela sensação praticamente orgásmica de comer algo que chega dá vontade de ajoelhar no chão e mandar rezar uma missa de tanto que é bom? Pois é, é assim que eu me sinto toda vez que como Paella, tanto de Frutos-do-Mar, com Valenciana, como de arroz negro… Paella, pode vir quente que eu to fervendo pra você, sua linda!

Agora, não vou mentir não. Caso você use mariscos frescos que nem eu, PREPARA pra arregaçar as mangas, porque dá muito trabalho! Mas cada garfada compensa, vai por mim.

Mas caso você queira todo o amor e carinho deste prato sem todo o suor, sempre tem um kit paella num supermercado próximo. ;)

Bora pra receita que a fome tá apertando!

Ingredientes (para 4 pessoas que comem normalmente, ou três pedreiros como os daqui de casa)

  • 500 g polvo
  • 300 g argolas de lulas (usei congeladas)
  • 1 kg mexilhão inteiro
  • 300 g camarão médio
  • 2 folhas de louro
  • pimenta do reino a gosto
  • pitada de cominho
  • 3 col sopa azeite (usei trufado)
  • 1 cebola picada
  • 2 dentes de alho bem picadinhos
  • 3 tomates sem pele picados (usei tomates pelados enlatados)
  • 2 col sopa concentrado de tomate dissolvidos em 4 col sopa de água
  • 120 ml vinho branco
  • 1 e 1/2 xíc arroz parbolizado (em pt vaporizado)
  • 1 col sopa cheia de cúrcuma (açafrão da terra)
  • pitada de pimenta cayenna
  • 600 ml caldo de polvo
  • sal e pimenta preta a gosto
  • suco 1/2 limão (usei siciliano)
  • 1 limão cortado em quatro para enfeitar
  • coentro picado a gosto (eu usei só no meu prato)

PRE-PÁRA!

Faça primeiro os frutos do mar e só depois junte tudo à Paella. Caso você esteja usando o kit congelado, pule direto para o passo 4.

  1. Cozinhe o polvo inteiro em panela de pressão com 1 lt de água, temperado com 2 folhas de louro, cominho e pimenta do reino. Após começar a fazer barulho, deixe por 15 minutos e retire imediatamente. Retire o polvo da água e espere esfriar. Reserve o caldo do cozimento para fazer o arroz.
  2. Para fazer os mexilhões, escove bem a superfície da concha para retirar toda a areia e algas. Cozinhe em água temperada com sal até que se abram. Descarte os mexilhões que não abrirem. Reserve.
  3. Limpe os camarões, retirando a cabeça e a casca. Caso queira, corte-o em borboleta, mas eu não fiz. Não coza.

    Dica: acrescente somente a casca do camarão ao caldo do polvo e deixei fervendo junto, para agregar mais sabor ao caldo.

  4. Em uma paelleira, refogue a cebola e o alho em azeite. Acrescente o concentrado de tomate, o tomate e refogue rapidamente.
  5. Coloque o arroz e frite por alguns minutos. Misture o vinho branco e espere o álcool evaporar. Tempere com cúrcuma, pimenta cayenna, sal e pimenta e acrescente o caldo fervente do polvo.
  6. Quando o arroz estiver quase pronto, acrescente as argolas de lulas congeladas, o polvo cortado em pedaços, os mexilhões já cozidos e os camarões, dispondo como quiser. Acerte o sal. Abaixe o fogo, abafe com um papel alumínio e espere terminar de cozer.
  7. Assim que estiver pronto, desligue o fogo e deixe por mais 2-3 minutos coberto com o papel alumínio.
  8. Retire o papel, esprema meio limão por cima de toda a Paella, decore com os pedaços de limão e sirva imediatamente.

Apenashhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

Paella de Frutos-do-Mar

Paella de Frutos-do-Mar

Spaghetti Mediterrâneo

Spaghetti MediterrâneoSegundo post já essa semana?? I’m on fire!!!

Dei ao prato o nome de Spaghetti Mediterrâneo porque tem as melhores coisas que a dieta mediterrânea nos proporciona: peixes, (muito) azeite, legumes, verduras e muito, mas muuuuuuito sabor. Teve até a taça de vinho tinto pra completar.

cheers

#todasbrinda

Não parece, mas em 10 minutos esse prato fica pronto. COMO-NÃO-AMAR?

Bora pra receita.

Ingredientes (para uma pessoa)

  • 100 g spaghetti
  • 1 posta de bacalhau pequena
  • 10 tomates cereja picados ao meio
  • 6 azeitonas pretas picadas ao meio
  • 2 dentes de alho bem picados
  • 1/2 xíc ervilhas (uso as congeladas)
  • 1 xíc folhas de agrião (com talo)
  • 1/2 cebola roxa cortada à julienne
  • azeite, sal e pimenta do reino quanto baste (q.b.)
  • folhas de manjericão roxo

PRE-PARA!

  1. Em uma frigideira bem quente, coloque o bacalhau com a parte da pele virada para baixo e pimenta por cima, com um pouco de água. Abaixe o fogo e tampe, para que o bacalhau coza no vapor por aproximadamente 5 minutos. Retire do fogo e reserve.
  2. Coza o spaghetti conforme as instruções da embalagem.
  3. Refogue alho e cebola em bastante azeite. Acrescente o bacalhau e refogue mais para incorporar os sabores.
  4. Rapidamente, coloque o tomate e refogue até que dê uma leve murchada.
  5. Acrescente as azeitonas e o agrião e acerte o sal.
  6. Misture a pasta e as ervilhas e tempere com pimenta do reino. Desligue o fogo.
  7. Disponha a pasta no prato, coloque por cima as folhas de manjericão e regue com bastaaaaaaaaaante azeite.

Não disse que era rápido?

Spaghetti Mediterrâneo

Spaghetti Mediterrâneo

 

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas, Coco e Chocolate

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas e Chocolate

OIOIOIOIOIOIOIOIOIOIIIII

Quem é viva sempre aparece, como diria minha mãe!

A verdade é que ser adulta e ter responsabilidades é chato. Eu quero é arranjar um emprego de dona! hahahahahaha #brinks

Como foi o finde? O meu foi com a cara enfiada nos livros. Muito animado! #SQN

A única ~emoção~ foi a Odisséia para ir ao supermercado. Gente, porque as pessoas ficam looooooooooucas na época do natal? Era um empurra-empurra no supermercado, gente desesperada, gente comprando como se não houvesse amanhã.. Parecia que iam estocar comida pro apocalipse! E eu ainda caí na besteira de levar o marido pra empurrar o carrinho. Pense num homem com a cara emburrada por causa da multidão! I DIE! hahahahahaha tadinho…

Mas no domingo eu o compensei com uma paella de frutos do mar que PE-LA-MOR-DI, tava bem buena. Mas essa foi outra aventura que eu conto no post, aguardem as cenas dos próximos capítulos.

O post de hoje é 2 em 1: leite vegetal and cookies!

Alguém aí lembra do leite de avelã? Pois é, resolvi testar o leite de amêndoa e a reação foi tipo:

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas e Chocolate

Onde esteve você por todo esse tempo????

Gente, é sério: se você gostou do de avelã, você vai se apaixonar por esse! Leite de amêndoas é mooooooooointo melhor! É puro amor e carinho! E ainda por cima é super nutritivo.

Aqui em casa agora eu só quero saber dele. O caso tá sério, tá complicado, deu eu casamento. E pra completar, fiz um biscoito (~polêmica~ do biscoito x bolacha) de amêndoa, coco e chocolate pra usar a farinha que sobrou que ficou viciante!

Nada como ter amigas que lembram de ti toda vez que veem uma receitinha legal, neam?

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas, Coco e Chocolate

Bayxux Loy!

A receitinha que ela me passou é do site Lactose Não, um site muito legal com várias receitinhas interessantes, vale a pena conferir!

Sabe quando parece que uma receita foi feita pra ti? Praticamente TODOS os ingredientes que eu tinha estavam na quantidade exata das quantidades pedidas.

MAKTUB!!!

Bora logo pra Receita que isso aqui parece chá de comadres.

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas, Coco e Chocolate

Ingredientes

Para o leite:

  • 200 g amêndoas (de preferência sem pele)
  • 800 ml de água

Para os biscoitos (rende 9):

  • 1 ¼ xíc farinha de amêndoas (se usar as que sobraram do leite, coloque em um pano de prato e esprema bem até sair todo o líquido – eu não fiz isso e meu cookie ficou meio molenga)
  • ¼ xic chocolate em barra (usei 70%) picado
  • ½ xíc de coco ralado
  • ½ col chá fermento químico (para bolo)
  • 1 pitada de sal
  • 1/3 xíc de açúcar mascavo
  • 1 ovo
  • 3 col sopa azeite
  • ½ col chá de essência de baunilha

PRE-PARA!

O leite:

  1. Deixe as amêndoas de molho em água suficiente para cobri-las por pelo menos 12 horas.
  2. Escorra o líquido e bata as amêndoas com 800 ml de água em liquidificador por 2 minutos.
  3. Em uma peneira bem fina ou com um pano de prato por cima da peneira, coe as amêndoas do leite.
  4. Conserve seu leite em geladeira por até 7 dias.

Os Cookies:

  1. Em uma tigela, misture todos os ingredientes secos, incluindo os pedaços de chocolate.
  2. Em outro recipiente bata o ovo até que dobre de volume. Acrescente o azeite e a essência e misture.
  3. Junte ingredientes secos e molhados.
  4. Leve à geladeira por 30 minutos, no mínimo.
  5. Pré-aqueça o forno em 180º e forre uma forma com papel manteiga.
  6. Faça biscoitos em forma de cookies e disponha na assadeira.
  7. Asse por aproximadamente 10 minutos (o tempo pode variar muito, então vá olhando!)

Tcha-rammmm!!!

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas, Coco e Chocolate

Leite de Amêndoas AND Cookies de Amêndoas, Coco e Chocolate

Chocolate Fondant AKA Petit Gateau

Chocolate Fondant AKA Petit Gateau

Esse sim agrega valor ao camarote!

Eu não presto, isso eu já sei. Mas hoje é segunda e a gente MERECE ao menos sonhar com o chocolate do fim de semana, né não?

Eu sou tarada por petit gateau/fondant. Aliás, esclarecendo já a ~polêmica~, petit gateau é como ele é conhecido no Brasil, mas nem é o nome original. O nome certo é Fondant. #TiaStéfanietambémécultura

Mas eu devo ser sincera, o bichinho é marrento sim. Se você acertar de primeira, você é um gênio. Eu só consegui o ponto da foto na segunda vez que eu fiz. O negócio é que o tempo de assar muda de forno para forno, e você não tem como fazer o teste do palito. O negócio é no olhômetro e na reza braba, amigues.

Fora isso, a receita não poderia ser mais básica. Nada que você já não tenha na sua despensa. :)

Importante ressaltar: minha forminha de fondant tem 9 cm de diâmetro.”

Bora pra receita?

Ingredientes (para dois bolinhos)

  • 75 g manteiga (eu gosto de usar com sal, pois o sal é um realçador de sabor) + extra para untar as forminhas
  • 100 g chocolate culinário
  • 1 ovo + 1 gema
  • 50 g açúcar
  • 2 col sopa (15g) de farinha de trigo (caso você dobre a receita, use 25 g de farinha)
  • 2 col sopa chocolate/cacau em pó

PRE-PARA!

  1. Unte duas forminhas de fondant com manteiga e chocolate em pó. Não economize, pra não correr o risco do seu bolinho grudar!
  2. Pré-aqueça o forno a 180º por no mínimo 10 minutos.
  3. Em banho-maria, derreta o chocolate com a manteiga. Retire da água e deixe esfriar por cinco minutos.
  4. Em um bowl, misture os ovos e o açúcar e bata muito bem por alguns minutos. Adicione a farinha e misture mais.
  5. Adicione o chocolate à farinha, 1/3 de cada vez.
  6. Preencha as forminhas com a massa e leve para assar por 15-25 minutos. Como eu disse, agarra na mão de Deus e vai, porque é difícil especificar um tempo certo. :((
  7. Após retirar do forno, espere dois minutos antes de desenformar, para evitar que o fondant desmorone.
  8. Eu servi com Sorvete de Nutella, que meu marido disse que ficou IDÊNTICO ao sorvete Chicabon, que eu não lembro do gosto, sinceramente. À base de natas/creme de leite fresco que eu já ensinei aqui, acrescente aproximadamente 15 col sopa de Nutella. Sim, vai tudo isso. Leve para gelar por 12 horas, mínimo.
Chocolate Fondant AKA Petit Gateau

Deus em forma de bolinho com o centro derretido.

Arroz de Polvo

Arroz de Polvo

Comida portuguesa com certeza!

Uma das grandes qualidades da comida portuguesa é que ela é honesta e despretensiosa. O seu objetivo maior é alimentar, unindo a ~sustança~ com o bom gosto.

O arroz de polvo é a união de uma comida que pesa no estômago, mas ainda assim com um sabor ES-PE-TA-CU-LAR. Não tem como não gostar #QUE #DI #ZÊ neam, se você não gostar de polvo não vai dar muito certo…

Se você nunca provou polvo e tem medo de não curtir a textura, essa é uma ótima maneira de começar. Até porque o principal problema do polvo é ele ficar chiclete, mas tendo calma, tudo dá certo. :D Eu sei que os tentáculos não são lá a coisa mais fofinha e bonitinha do mundo, mas superado este preconceito, vai na fé que polvo é DILIÇA!!

Bora pra receita?

Ingredientes (para duas pessoas)

  • 1/2 polvo grande (entre 500 e 600g) já limpo
  • temperos, como tomilho, cominho, louro, pimenta preta…
  • 3 col sopa azeite
  • 1/2 cebola picada em cubos
  • 2 dentes de alho picadinhos
  • 1 pimenta malagueta pequena sem sementes (opcional)
  • 120 ml vinho branco
  • 500-600 ml caldo de polvo (água que vai sobrar do cozimento do polvo)
  • 2 col sopa de concentrado de tomate
  • sal
  • 1 1/2 xic arroz parbolizado (em pt vaporizado)
  • salsinha picada para finalizar

PRE-PARA!

  1. Em uma panela de pressão coloque 1 1/2 litro de água, os temperos e o polvo. NÃO COLOQUE SAL. Quando a panela começar a fazer barulho, conte 17 minutos e desligue o fogo. Retire o polvo imediatamente da panela para que o cozimento não persista. Reserve seu polvo e o caldo.
  2. Em uma panela à parte, refogue cebola, alho e pimenta em azeite e acrescente o arroz. Refogue.
  3. Acrescente o concentrado de tomate e refogue mais um pouco.
  4. Acrescente o vinho e 200 ml do caldo de polvo ao arroz, além de sal. Vá acrescentando mais caldo ao arroz, caso necessário (o processo é parecido com o do risotto).
  5. Quando o arroz estiver quase pronto, misture o polvo cozido e já cortado em pedaços. Não deixe que o caldo seque totalmente.
  6. Quando pronto, finalize com azeite e salsinha picadinha.

Arroz de Polvo

Arroz de Polvo