Tapioca – a salvação para Imigrantes

Tapioca - a salvação para Imigrantes

Tapioca - a salvação para Imigrantes

Maria tá peneirandoooo, goma e massa de mandiocaaaa, quem se casa com Mariaaaaaaaaaaa, vai comer todos os dias TA-TA-TAPIOCAAAAA! TA-TA-TAPIOCAAAA! TA-TA-TAPIOCAAAAA, TA-TA-TAPIOCAAA!

Se você não conhece esta PÉROLA da música brasileira, hoje eu vou mudar a sua vida:

De nada.

Essa receita de tapioca é MARA por ser a salvação pros brasileiros espalhados pelo mundo que MORREM por uma tapioquinha. Isto porque dá pra fazer a goma! Simmmmmmmmmmmm!!! A goma!!!!

#todospira

E o melhor de tudo: é muito fácil. E de quebra eu ainda mostro como fazer a VERDADEIRA tapioca, pois sorry galera do Sudeste/Sul, a tapioca de vocês não é boa. Norte/Nordeste comanda na tapioca, maninho!!

Como eu to postando uma vez na vida e outra na morte ultimamente, vou ser bem rápida que é pra não matar de ninguém de curiosidade.

Bora pra receita.

Ingredientes

  • 500 g de polvilho AZEDO (com o doce não dá certo, experiência própria!)
  • água (o necessário)
  • recheio da preferência: manteiga, queijo, presunto, ovo, banana, coco, carne seca….

PRE-PARA!

  1. Em uma vasilha, coloque o polvilho e cubra com água. O polvilho deve hidratar totalmente imerso por, no mínimo, 8 horas.Tapioca - a salvação para Imigrantes
  2. Após este tempo, forre uma peneira com pano de prato e despeje o polvilho. Deixe a água escorrer. O polvilho deve virar um bloco completamente seco. Isto pode demorar 30 min (em climas muito secos) até 24 horas. O mais importante é que o polvilho deve ficar completamente seco! Tapioca - a salvação para Imigrantes
  3. Passe o polvilho seco através da peneira, como se estivesse ralando. A farinha (goma) que sobrar, é a tapioca!! Tem gente que acrescenta sal na farinha/goma, mas eu particularmente não ponho nada.

Gente, fica IGUALZINHA a tapioca normal. Dá nem mais pra sentir saudade da tapioca da terrinha!

E pra fazer a tapioca o esquema é o seguinte:

  1. Em uma frigideira bem quente, polvilhe a farinha com uma peneira por toda a superfície da panela, uniformemente.
  2. Espere 1-2 minutos, até que a ponta comece a levantar. Tapioca - a salvação para Imigrantes
  3. Retire do fogo, coloque o recheio que quiser e enrole. Tapioca - a salvação para Imigrantes

CABÔ. Mais fácil que mamar na vaca. Só o tempo de passar um café e mandar ver numas cinco dessas!!!

Tapioca - a salvação para Imigrantes

Update: Guarde a farinha/goma restante em um pote hermeticamente fechado na geladeira, para não estragar.”

Anúncios

12 comentários sobre “Tapioca – a salvação para Imigrantes

  1. eu tô aqui chorando!!!!
    correndo pro mercado pra fazer essa maravilha!
    parece um pedacinho do céu… estou aqui babando e tentando morder o monitor!

    sua maravilhosa, sempre facilitando nossa vida!
    beijão lheenda, não nos deixe órfãs de delícias!

    • Tu não tens noçãããããão de como eu to morrendo de saudades disso aqui! To pra virar hippie pra poder roubar wi-fi do McDonalds pra poder postar todos os dias hahahahaha

      Faz logo!!! E depois manda fotos! :D

      Beijão, sua lynda!!

  2. Que engraçado, no dia em que publicaste esta receita, eu publiquei também uma de tapioca, mais precisamente de mingau com a tapioca em pérolas. Adoro! Ando ao tempo para fazer a goma hidratada já que aqui nao se encontra à venda, hei-de experimentar a Tua receita. Bom fim‑de‑semana!
    Não te esqueças de participar no meu passatempo de Natal: http://limited-edition-since2012.blogspot.pt/2013/12/passatempo-5-sentidos-com-alecrim-aos.html

    • Oi Fernanda!

      Desculpa a demora. Olha, aqui em Lisboa você encontra em vários supermercados. No Continente, Pingo Doce, El Corte Inglés e até no mercado de Martim Moniz com certeza tem. Eu não lembro bem, mas acho que o Mini Preço também tem. É facílimo de achar!

      Que bom que gostaste da receita de brownie! :D

      Beijão!

  3. Stefanie, num momento de desespero resolvi procurar uma receita de tapioquinha. Sou paraense e moro na Australia ha 5 anos, mas nunca tentei fazer. Na ultima vez que estive no Brasil pensei em trazer a goma embalada a vacuo, mas o bloco de po branco parece com outra coisa… Hoje comprei os dois ultimos pacotes de polvilho azedo no mercado que vende productos Brasileiros e mal posso esperar pra comer uma tapioca na manteiga! Obrigada pela receita!

    • Ai que legal, Camila!! Que bom que você gostou!!

      Olha, a gente também passava muita falta também, mas desde que descobrimos que do polvilho azedo dá pra fazer a tapioca, nossa vida tem sido outra. A gente mata a vontade com dignidade! hahahaha Lembrando que depois que deixar hidratando, tem que esperar secar totalmente a água, pra ela ficar do jeito que a gente gosta. Quando ficar pronta passa por aqui pra contar como ficou! E capricha nessa manteiga pq tapioca boa tem que ter muuuuuuuuuuita manteiga :D

      Beijão

Obrigada por seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s