Maionese de Leite e Alho (sem ovos) e Molho Tártaro

Molhos para Hamburguer: Maionese de Leite e Alho (sem ovos) e Molho Tártaro

E não é que o jantar de aniversário do marido ainda tá rendendo posts??

Eu trabalhei que nem condenada nesse dia, Brazeeeeeeewwwwwwwwww!!!

Além do Pão de Hamburguer (receita aqui), Anéis de Cebola (onion rings – receita aqui), Batatas Rústicas (receita aqui) e o bolo campeão de Ganache de Chocolate (receita aqui), eu ainda fiz dois molhos para acompanhar a comilança.

Cara, cansei só de escrever.

Pois é, acontece que hamburguer sem molho, não é hamburguer. Quédizê. É, mas não rola a mesma emoção a cada dentada. Hamburguer seco não é coisa de Deus, vamos combinar.

Daí que sem querer ser muito original, resolvi fazer velhos aparecidos daqui de casa, só porque eles já são tão bons que não precisam de melhora.

Eu nunca, nunca, JAMÉ compro maionese pronta. Se tem uma coisa que eu curto é comer maionese caseira, que não tem segredo nenhum, é fácil, rápido e barato de fazer. E eu confio mais.

A propósito, essa maionese dura até uma semana na geladeira porque não leva ovo. Maionese com ovo eu aconselho comer no mesmo dia e não guardar, afinal, ovo cru e estragado pode dar um piriri homéééééricoooooo.

Ingredientes (1 porção)

Para a maionese de leite:

  • ½  xic leite
  • 1 dente de alho triturado
  • pitada de sal
  • suco de ½  limão (usei siciliano)
  • 1 a 2 xic de óleo (usei de girassol)

Para o molho tártaro:

  • 1 porção de maionese de leite sem alho
  • 1 col chá de mostarda dijon
  • ½ col chá de mostarda
  • ½ cebola média ralada
  • 1 col sopa de alcaparras picadas grosseiramente na faca
  • 2 col sopa picles picados em cubos bem pequenos
  • ½ col sopa salsinha bem picada
  • ½ col sopa de limão (usei siciliano)
  • pitada de sal e pimenta branca

PRE-PA-RA

Maionese:

  1. Misture todos os ingredientes, com exceção do óleo, no liquidificador e comece a bater.
  2. Pelo buraco da tampa, vá derramando um fio de óleo com o liquidificador funcionando e mexendo a mistura. Bata até que a mistura do leite comece a engrossar, até ficar com consistência de maionese. Dá para fazer na mão? Dá. Mas tem que bater bem e ininterruptamente até virar maionese. Se quiser uma aula de musculação grátis, fica a dica.
    Atenção: a quantidade de óleo é muito relativa, portanto, vá acrescentando até dar o ponto – que pode ser mais do que a quantidade recomendada. Quem falou que maionese era light?

Molho tártaro:

  1. Faça a maionese como explicado acima.
  2. Acrescente os demais ingredientes e misture bem.

 

Molhos para Hamburguer: Maionese de Leite e Alho (sem ovos) e Molho Tártaro

Molhos para Hamburguer: Maionese de Leite e Alho (sem ovos) e Molho Tártaro

Pão de Hamburguer

Pão de Hamburguer

Uma pequena pausa para a pessoa burrona que não tirou fotos dygnas do pão de hamburguer aka EU. To quase pra me matar agora.

ANFÃ.

No aniversário do maridones eu decidi que ia fazer o pão. Gente, eu não tenho como expressar meu ÓDIO ETERNO por pão de pacote. Pra mim aquilo é a coisa mais deplorável do mundo. Um pão que tá há dias ali dentro e não estraga? Só pode ter pacto com o demo!

Fora que o gosto é pééééssimo. Tem gosto de isopor. #oremos

Gente, eu vou contar uma coisa pra vocês. Esse pão foi O SUCESSO da noite. A grata surpresa, mesmo. Nem nos meus melhores sonhos eu achei que pudesse acertar no pão de hamburguer assim, de primeira. To apaixonada.

Essa receita (sem o gergelim) pode ser usada para fazer pão de cachorro-quente também.

Ingredientes (rende 9 pães grandes)

  • 4 xíc de farinha de trigo
  • 1 xic água morna (tem que fazer o teste do dedo: se colocar o dedo por 10 segundos imerso na água e aguentar, ta na temperatura ideal)
  • 1/2 xic água morna (talvez não precise – só usar caso a massa não dê o ponto)
  • 1 ovo
  • 1 col sopa bem cheia de manteiga em temperatura ambiente
  • 2 col sopa de açúcar
  • 1 col chá de sal
  • 6 g fermento para pão (1/2 sachê)
  • 1 xic água e gergelim para polvilhar no pão.

PRE-PARA

  1. Em uma tigela, coloque a farinha de trigo, o açúcar e o fermento e misture.
  2. Misture a água morna (1 xíc) e mexa com uma colher de pau.
  3. Acrescente o ovo e a manteiga e mexa mais.
  4. Acrescente o sal e misture.
  5. Em uma bancada, sove a massa por 10 minutos. Talvez você vá precisar de mais farinha, mas coloque aos poucos, somente o necessário para a massa desgrudar das mãos. A massa NÃO DEVE ficar com farinha a mais pois assim ela fica pesada.
  6. Coloque a massa em uma vasilha em local escuro e quente e deixe crescer até dobrar de volume (45 min a 1 hora).
  7. Após esse tempo, volte o pão pra bancada e tire o ar da massa. Faça bolas com o pão, de forma que não deixe entrar ar na massa (essa etapa é crucial para que os pães não criem ar por dentro. As bolas devem ficar densas).
  8. Passe água por cima dos pães e depois coloque as sementes de gergelim.
  9. Arrume os pães na forma (eu não untei, mas a minha forma era antiaderente) e leve para local escuro e quente para voltarem a crescer até dobrar de tamanho.
  10. Em forno pré-aquecido a 180º, leve os pães para assar até que estejam dourados (os meus demoraram 25 minutos mais ou menos para chegarem a essa cor).
  11. COMA COM GOSTO! <3

Beijos e bom fim-de-semana, galera!

Pão de Hamburguer

Pão de Hamburguer

Mini Burger de Lentilha

Mini Burger de Lentilha

A receita de hoje é, SIMMMMMMMMMMMMMMMMM, vegan!

Duas receitas vegans seguidas é muito amor, neam? Isso é pra provar que dá sim para ter uma alimentação super saborosa e nutritiva e que nem sempre a gente precisa colocar a proteína da carne para ter uma refeição completa. :) É só usar a imaginação!

Sério, eu não tenho palavras para expressar o quanto esse burger ficou bom. O marido que não curte lá muito a lentilha ATOROU- já deu pra perceber que ele é meu termômetro de ~gostosura~ neam? Se ele gostou, qualquer um gosta! hahahaha

Além de tudo, essa receita é muito simples e rápida de fazer.

Ingredientes (para 7 bolinhos – duas pessoas)

  • 150 g lentilha + 150 g lentilha update: gente as lentilhas são cozidas, esqueci de especificar isso! sorry!!! #falhanossa
  • 4 dentes de alho (eu A-M-O alho, mas se quiser um gosto mais leve, use só 2)
  • 2 col chá tahini (pasta de gergelim/sésamo)
  • 1 col chá azeite
  • 1/2 cebola
  • 1 col sopa linhaça triturada (opcional)
  • sal e pimenta do reino a gosto
  • 3 col sopa aveia em flocos
  • salsinha picada

PRE-PA-RA!

  1. Em um liquidificador, bata 150 g de lentilha com alho, tahini, azeite, cebola, linhaça e sal, formando uma pasta.
  2. Depois, à mão, acrescente mais 150 g de lentilha, aveia, salsinha e acerte o sal.
  3. Forre uma forma com papel manteiga. Faça bolinhas pequenas (se forem muito grandes elas vão quebrar) e leve para assar em forno pré-aquecido a 200º até dourar. O tempo de forno pode variar muito, no meu levou aproximadamente 20 minutos.
  4. Sugestão: sirva com molho de iogurte misturado com hortelã picada. MARAVILHA!

Mini Burger de Lentilha

Burger Caseiro de Picanha

DSC_1079

DSC_1071

DSC_1072

Muito melhor que McDonalds, eu agarantcho!

Burger com batatas fritas é tipo comida de criança que adulto tem licença poética para comer.

Eu tenho uma teoria: é (quase) impossível encontrar alguém que não goste de um bom burger, daqueles suculentos e saborosos:

i love food

E se é para consumir todas as calorias perdidas na academia, ao menos que seja com dignidade!

E, ainda por cima, demora nem meia hora para ficar pronto. Muy honesto!

Bora pra receita:

Dificuldade: 1

Tempo de Preparo: 20 minutos

Serve: 2 pedreiros

Ingredientes

1/2 kg de picanha com gordura moída duas vezes (de preferência carne fresca, comprada e moída no dia)

1/2 cebola média picada

2 dentes de alho

sal e pimenta do reino a gosto

1 pimenta malagueta sem sementes picada

4 pães de burger

alface americana (em Portugal, iceberg) picada para o recheio

cebola roxa picada para o recheio

Modo de Fazer

Toste a face interna dos pães de burger em frigideira bem quente. Retire do fogo e já ordene nos pratos que serão servidos. Na metade debaixo do pão disponha a alface.

Em um bowl misture carne, cebola, alho, pimenta malagueta, sal e pimenta do reino. Prove a carne (sim, crua mesmo) para ver se ela está temperada o suficiente.

Divida em quatro partes iguais e molde em formato de burger.

Para um burger mal passado, o procedimento é o seguinte: em uma frigideira bem quente, coloque os burgers em fogo alto e deixe dourando. Assim que dourar, vire e deixe dourar do outro lado. Retire da frigideira e sirva imediatamente.

Se quiser bem passado, o procedimento é o mesmo, mas o fogo tem que estar baixo e deve ser colocada uma tampa sobre a frigideira para abafar os burgers.

Sirva em pão, alface e cebola por cima.

Abaixo segue uma imagem da minha pessoa, ontem, comendo:

burger eater

Obs: Amanhã posto a receita das batatas rústicas e da maionese de leite caseira que fiz para acompanhar o burger.