Sanduba Nutritivo

Sanduba Nutritivo

Tão pensando que travesti é bagoooooonçaaaa???

Não é porque é sanduíche, que só tem porcaria!

Eis que eu me deparo com pouco tempo para preparar meu almoço, e tinha duas opções: ou comia qualquer coisa na rua ou fazia um sanduba em casa, daqueles com muita coisa pra dar a ~sustança~, afinal sou uma proletária filha de Deus. Dúvidas de qual escolhi?

Entendam bem, nada contra comer na rua e eu mesma faço isso de vez em quando, mas sempre que puder evitar, estômago e bolsos agradecem.

Chega a ser vergonhoso eu colocar isso como receita, mas fico como *INSPIRED* pros colegues que, assim como eu, não tem tempo todos os dias pra preparar a marmita nossa de cada dia.

Vemnimim!

Vemnimim!

Ingredientes (para um sanduba)

  • 2 fatias de pão da sua preferência (eu usei de gergelim/sésamo integral)
  • 1 col sopa bem cheia de Hummus
  • 5 tomates secos
  • 1/2 posta de salmão
  • 2 col sopa shoyo
  • folhas de agrião

PRE-PÁRA!

  1. Tempere o salmão com o shoyo.
  2. Em uma frigideira bem quente, asse o salmão por 1 min de cada lado. Eu gosto do salmão cru por dentro, caso você não goste, deixe 2-3 min de cada lado.
  3. Monte o sanduíche, colocando em um dos pães o Hummus, depois as folhas de agrião, em seguida o tomate seco e, por último, o salmão.
  4. Seja feliz com seu sanduba lindo e nutritivo!

Se quiser, tempere as folhas de agrião com sal na hora em que for comer. Se você colocar o sal antes, ele vai desidratar as folhas e não vai ficar legal.”

Sanduba Nutritivo

 

Sanduba Nutritivo

Tartar de Salmão

Tartar de SalmãoTá querendo arrasar no jantarzinho pro seu amore? Amigue, se joga porque esse prato é fácil, rápido, pheeeeeeno e rycoh!!! Certeza que o bofe ou bofa vão amar e você ainda faz a média de “sou super chef, sou profissa, cozinho isso todo dia, isso é comida de iniciante”.

Se eu contar pra vocês que foi o meu debute fazendo Tartar, vocês acreditam?? Eu sempre tive vontade, mas nunca pintou a ~vibe~, sacomé?

O difícil foi comer. Confesso que até fiquei com dó, porque ficou tãããããão lindo, acho que foi um dos pratos mais arrumadinhos que já fiz. :~~ Sabe quando bate até orgulhinho, do tipo: “olha, eu consegui, fui eu quem fiz”…

Mas devo dizer que não foi só a aparência que ficou TDB não. O Tartar ficou uma delíííícia e já ganhou um lugar todo dele no coração das receitas especiais. Agora ele vai sempre aparecer pela cozinha desta que vos fala.

Vou virar tipo #aloka do tartar de Salmão:

Tartar de Salmão

Eu e minha faca de sushi

O tartar também tem a versão “Steak”, com carne vermelha, que eu já comi mas nunca fiz. Vou tentar da próxima e conto pra vocês.

Enche as taças de vinho (porfa, não vale Dom Bosco, respeite!!), acende as velas, coloca Wicked Game pra tocar e vem comeeeeeeeegooo! #katylenefeelings

Tartar de Salmão

Que hoje é sexta e só Deus pode me julgar na jaca do fds!

Ingredientes (para 3 pedreiros)

Para o Molho

  • 2 1/2 col sopa de shoyo + 1 col sopa
  • 2 col sopa açúcar
  • 1 col sopa vinagre branco (eu usei o de arroz)

Para o Tartar:

  • 700 g salmão limpo (sem pele nem espinhas)
  • suco 1/2 limão (usei siciliano)
  • raspas de 1 limão
  • 1 col chá de mostarda l’ancienne
  • 1/4 col chá mostarda dijon
  • 1 col sopa azeite extra-virgem
  • 3 col sopa salsinha e cebolinha bem picadinhas
  • 1 chalota roxa bem picadinha (ou 1 cebola roxa pequena ou 1/2 média)
  • pimenta do reino a gosto
  • sal (opcional e eu não coloquei, mas eu gosto de comida com pouco ou nada de sal)
  • filhinhas de dill para enfeitar (firula)
  • 4 1/2 col sopa cream cheese light

PRE-PÁRA!

Para o molho:

  1. Misture tudo em uma molheira e leve ao fogo baixo até engrossar, mexendo sempre. Assim que estiver na consistência desejada, desligue o fogo e continue mexendo, até que esfrie. Não para de mexer!
  2. Acrescente uma colher de sopa de shoyo ao seu molho, quando já tiver arrefecido e mexa bem. Reserve.

Para o Tartar:

  1. Pique a cebola e as ervas bem picadinhas.
  2. Pique o salmão em pedaços bem pequenos, com a ponta da faca. Pedaços bem pequenos não quer dizer carne moída, okay??
  3. Acrescente os demais ingredientes e misture muito bem.

Montagem:

  1. Você precisará de um acessório de patisserie, para cortar bolo. Tipo assim:
    Tartar de Salmão

    Este tem 10 cm de diâmetro x 4 cm de altura.

    Ou então de muuuuuita habilidade com as mãos – que eu não tenho.

  2. Coloque o anel no prato e preencha a base com 1 1/2 col sopa de cream cheese. Espalhe bem. Por cima, coloque o Tartar até preencher o anel. Aperte bem, para que ele não desmonte quando o anel for retirado.
  3. Coloque a folha de dill por cima, para fazer a firula e ao lado o molho de shoyo. Gente, esse molho faz TODA a diferença, não deixem de fazê-lo!

Tartar de Salmão

Tartar de Salmão

Almoço detox: ahi salmão

Depois de três dias de “férias” da cozinha, finalmente…

i am back

Como foi a páscoa de vocês? A minha foi ótima, comi ~que nem~ condenada.

E depois de tanta comilança e chocolate, começo a segunda-feira, vulgo dia internacional da volta à dieta, com um prato que só não é mais rápido porque é só um: ahi salmão.

Que salmão faz super bem pra saúde, todo mundo já sabe, então não vou ficar aqui falando das milhares de propriedades anti-envelhecimento e etc dele. Digo apenas uma coisa sobre este peixe: comida maravilhosamente gostosa e saudável, não precisa falar duas vezes. Tipo assim: TO DENTRO.

i survived

Eu gosto de salmão cru por dentro, então partindo da receita do ahi tuna, comecei a fazer o meu ahi salmão (não sei se ele já existe, mas eu nunca ouvi falar). Pra mim, essa é a melhor forma. Se tem uma coisa que detesto e que acho que deveria dar prisão perpétua pra cozinheiro, é deixar o salmão branco. Salmão com gosto de borracha deveria ser crime.

Ahi Salmão

Ahi Salmão

Anota os milhões de ingredientes #SÓQUENÃO dessa receita:

Ingredientes:

Uma peça de salmão

2 colheres de sopa de shoyo para temperar

Modo de fazer:

Tempere a peça de salmão com shoyo de ambos os lados. Aqueça bem uma frigideira e coloque a peça de salmão. Deixe por um  minuto de cada lado, coloque no prato e sirva a seguir.

Caso você queira ele um pouco mais “passado”, é só deixar mais tempo. Pra ficar completamente passado, deixe de três a quatro minutos, dependendo da chama do seu fogão.

Pra mim, nessa receita vale a máxima MENOS É MAIS. Eu gosto do sabor do salmão, então quero senti-lo o mais forte possível. Eu geralmente faço uma salada bem leve de acompanhamento, mas como ainda não tinha ido ao supermercado, fiz um refogado com cogumelos portobello, alho, cebola, tomate cereja, couve de bruxelas e milho, no azeite. Temperei com sal, pimenta cayena e pimenta do reino. Sim, era o que tinha na geladeira.

Não, eu não coloco azeite na frigideira pra fazer o salmão. Para isto, eu uso frigideiras antiaderentes, com um bom teflon. Além de diminuir as calorias, não há mesmo a necessidade, uma vez que o próprio peixe já possui gordura própria.

Sim, eu sempre faço o salmão com a pele e retiro apenas na hora de comer. A pele do salmão ajuda a manter o formato do peixe, e sem ela você conseguirá no máximo um picadinho.

DSC_0843

DSC_0846